POLÍTICA

Advogado Lincon Astrê lança campanha Nacional pedindo André Mendonça no STF.
Campanha #QUEREMOSANDRÉMENDONÇANOSTFJÁ, busca conscientizar o Senado para que marque a sabatina com a máxima urgência.

Em parceria com a sociedade organizada, consciente que acreditam e trabalham por um País melhor, o Advogado Lincoln Assis de Astrê, lançou a campanha em Rondônia:

"#QUEREMOSANDRÉMENDONÇANOSTFJÁ" para conscientizar o Senado que marque a sabatina com a máxima urgência.

A ideia é fortalecer e incentivar em rede social os internautas para que divulguem ao máximo à campanha em suas redes sociais, com a finalidade de conscientizar o Senado Federal de sua obrigação Constitucional, e como fiscal da Lei.

"Somos sabedores que antes da escolha do presidente do novo Ministro do Supremo Tribunal Federal, o nome do indicado é levado ao conhecimento do plenário no Senado e, compete à Comissão de Constituição e Justiça - CCJ do Senado Federal analisar se o indicado possui notável saber jurídico, realizando a chamada sabatina. Nela, o indicado, André Mendonça será questionado sobre os mais diversos assuntos - políticos, jurídicos e pessoais", destacou.
André Mendonça "Orando"

Para a Lincoln Astrê, o nome de André Mendonça, ex-advogado-geral da União e ex-ministro da Justiça, que foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para o Supremo Tribunal Federal (STF) ainda no mês de julho, sendo que a comunicação chegou à Comissão em agosto, é o mais promissor para o cargo de ministro. No entanto, o presidente da CCJ, senador Davi Alcolumbre, ainda não agendou a reunião de sabatina e isso tem preocupado juristas, políticos e a sociedade.

"Por isso as divulgações em redes sociais são importantes neste momento. Precisamos nos unir em favor da verdadeira democracia, que "governo do povo, pelo povo e para o povo", ressalta o advogado.

Fonte: Assessoria




Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp

Participe do nosso grupo do Telegram




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLÍTICA  |   04/08/2022 21h03





POLÍTICA  |   02/08/2022 19h27


POLÍTICA  |   20/07/2022 11h10