POLÍCIA

Operação da PF mira família de traficantes e bloqueia R$ 9,7 milhões em bens
Foi determinado pela justiça a ordem de bloqueio de todos os veículos da família, bem como o bloqueio de valores em até R$ 9.711.400,07.

A Polícia Federal cumpre, na manhã desta terça-feira (14), dois mandados de prisão e três mandados de busca e apreensão para desarticular associação criminosa que realizava o tráfico interestadual de drogas, tendo como origem os estados de Rondônia e Mato Grosso e como destino São Paulo.

As investigações da Operação "Narco Familial" iniciaram-se quando dois integrantes da referida associação criminosa foram presos em flagrante transportando 594,35 kg de cocaína e pasta base de cocaína, no dia 27/01/2022, no município de Porto Esperidião/MT.

Os presos em flagrante delito possuíam vinculo familiar, sendo que o pai era o motorista do veículo batedor e o filho exercia a função de motorista do veículo que transportava o entorpecente.

Com o aprofundar das investigações, foi identificado que além dos presos em flagrantes, havia ainda a colaboração de outros dois familiares, que davam suporte logístico e financeiro.

Foram expedidos dois mandados de prisões e três mandados de busca e apreensão a serem realizados na cidade de Cacoal/RO.

Além disso, foi determinado pela justiça estadual de Mato Grosso a ordem de bloqueio de todos os veículos identificados, bem como o bloqueio de valores em até R$ 9.711.400,07.

As investigações terão continuidade para identificar novos envolvidos e descapitalizar toda essa associação criminosa.

O nome da operação faz referência ao vínculo familiar dos associados para o tráfico interestadual de drogas.


- Olivre / O Guardião.



Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp

Participe do nosso grupo do Telegram




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLÍCIA  |   25/06/2022 09h24





POLÍCIA  |   24/06/2022 15h42


POLÍCIA  |   24/06/2022 15h14